Poemas e prosas 2020-2021

CHF 15.00

Enredo de liberdade
Não há alforria sem estorvosMas julgamos ser os
melhores
Sempre à procura da liberdade Temos atos Nobres de emancipação Um bebé tem a sua liberdadeMas mais crescido ganha impedimentosCrescemos com ideia de liberdade

Pensamos livremente ser livres

São os outros que decidem da nossa liberdade
Como o preso em cativeiro é livre da sua mente
Mas não tem a sua independênciaPerdendo o seu desafogo
A liberdade são janelas das incongruências

Para melhor podermos agir

A liberdade dá a ideia de sermos ilimitados

Para usar a insolência de agir com alguém

Catégorie Livros